Cute Tumblr Themes

Photo Post Sun, Oct. 16, 2011 6,065 notes

(Source: oacessorestrito, via fukingperfect)




Photo Post Sun, Oct. 16, 2011 18,242 notes

Tem coisas que devemos esperar, tem outras que devemos correr atrás.

Tem coisas que devemos esperar, tem outras que devemos correr atrás.

(Source: oacessorestrito, via fukingperfect)




Photo Post Sun, Oct. 16, 2011 1,250 notes

fukingperfect:

Chorar não trás ninguém de volta, mas manda embora a dor que fica em nosso coração. ∞

fukingperfect:

Chorar não trás ninguém de volta, mas manda embora a dor que fica em nosso coração. 




Photo Post Sun, Oct. 16, 2011 18,551 notes


Pague minhas contas, resolva meus problemas. E ganhe o direito de falar da minha vida. 

Pague minhas contas, resolva meus problemas. E ganhe o direito de falar da minha vida. 

(Source: oacessorestrito, via fukingperfect)




Photo Post Sun, Oct. 16, 2011 2,781 notes


Tá faltando mulher que se dê valor. Que cubra os peitos e mostre o coração. Que exercite o cérebro ao invés da bunda. Que saia a noite pra se divertir e não pra caçar. Que se respeite. Que se ame. Tá faltando mulher que mereça que seu garoto vire um homem.

Tá faltando mulher que se dê valor. Que cubra os peitos e mostre o coração. Que exercite o cérebro ao invés da bunda. Que saia a noite pra se divertir e não pra caçar. Que se respeite. Que se ame. Tá faltando mulher que mereça que seu garoto vire um homem.

(Source: oacessorestrito, via fukingperfect)





Eu, quando meu PC trava…
Oooh trágico…

Eu, quando meu PC trava…

Oooh trágico…




Video Post Mon, Aug. 29, 2011 6,490 notes

(Source: oacessorestrito, via meusmundossemvoce)




Text Post Sat, Aug. 20, 2011 19,624 notes

“Eu não estava bêbado” “Cara, você abraçou uma árvore gritando OLHA O TAMANHO DESSE BRÓCOLIS ”

(Source: oacessorestrito, via sonhador4)






Photo Post Sat, Aug. 20, 2011 2 notes

paradoxonostalgico:

Ei pequena, você se lembra de quando tudo começou? Lembra dos mínimos detalhes de como nossa amizade foi forjada de modo tão aleatório, e mesmo assim, permanece tão forte até hoje? Quer dizer, ultimamente, nem tão forte assim. Você percebe que eu ando sempre de cabeça baixa, como se faltasse uma parte de mim. E essa parte é você. Percebe que estamos nos afastando, cada vez mais, e esquecendo o verdadeiro significado e valor de “uma amizade verdadeira”. Estamos mudando, e essa mudança acabou provocando isso. Ei, pequena, você sabe que eu não consigo viver sem você não é? E me dói ver que, enquanto você prova na minha frente que pode ser feliz sem mim, eu estou ao lado de outras pessoas, olhando para o rolo de poeira que caminha na minha direção, sem força para soprá-lo, ou para continuar sorrindo. Se lembra de nossas diversas brigas, e de tudo aquilo que lhe falei, e que mesmo assim, não mudaram em nada? Lembra de quando você disse que eu era o único motivo para você seguir em frente, e no dia seguinte, você provou ao contrário? Esses pequenos detalhes me magoam até hoje, são coisas que eu nunca vou esquecer. Passamos por tantas coisas ruins e poucas coisas boas, como naquela vez em que inundei o seu banheiro, ou naquela outra que eu me engasguei com um iogurte e continuei rindo sem ar. Mesmo eu quase morrendo afrontada, e colocando nós duas em encrenca, eu sinto falta desses tempos, de ficarmos juntas e fazermos essas simples coisas que ficarão na história. E quando eu lembro, sinto nostalgia, mesmo sabendo que você está ali, no meu lado, nada foi como antes. As vezes nosso dia consiste basicamente em “oi, tudo bem? Como está? Novidades? Tenho que ir” e isso dói, aqueles dias em que passávamos noites e noites compartilhando nossa alegria, hoje só restaram lágrimas. Lágrimas e saudades. Lágrimas dos tempos que podem, talvez, voltar. Eles podem voltar se nós quisermos, porque quer, sempre consegue. (Paradoxo Nostálgico para sua melhor amiga, seja lá onde estiver, e se for ler esse texto todo ou não)

paradoxonostalgico:

Ei pequena, você se lembra de quando tudo começou? Lembra dos mínimos detalhes de como nossa amizade foi forjada de modo tão aleatório, e mesmo assim, permanece tão forte até hoje? Quer dizer, ultimamente, nem tão forte assim. Você percebe que eu ando sempre de cabeça baixa, como se faltasse uma parte de mim. E essa parte é você. Percebe que estamos nos afastando, cada vez mais, e esquecendo o verdadeiro significado e valor de “uma amizade verdadeira”. Estamos mudando, e essa mudança acabou provocando isso. Ei, pequena, você sabe que eu não consigo viver sem você não é? E me dói ver que, enquanto você prova na minha frente que pode ser feliz sem mim, eu estou ao lado de outras pessoas, olhando para o rolo de poeira que caminha na minha direção, sem força para soprá-lo, ou para continuar sorrindo. Se lembra de nossas diversas brigas, e de tudo aquilo que lhe falei, e que mesmo assim, não mudaram em nada? Lembra de quando você disse que eu era o único motivo para você seguir em frente, e no dia seguinte, você provou ao contrário? Esses pequenos detalhes me magoam até hoje, são coisas que eu nunca vou esquecer. Passamos por tantas coisas ruins e poucas coisas boas, como naquela vez em que inundei o seu banheiro, ou naquela outra que eu me engasguei com um iogurte e continuei rindo sem ar. Mesmo eu quase morrendo afrontada, e colocando nós duas em encrenca, eu sinto falta desses tempos, de ficarmos juntas e fazermos essas simples coisas que ficarão na história. E quando eu lembro, sinto nostalgia, mesmo sabendo que você está ali, no meu lado, nada foi como antes. As vezes nosso dia consiste basicamente em “oi, tudo bem? Como está? Novidades? Tenho que ir” e isso dói, aqueles dias em que passávamos noites e noites compartilhando nossa alegria, hoje só restaram lágrimas. Lágrimas e saudades. Lágrimas dos tempos que podem, talvez, voltar. Eles podem voltar se nós quisermos, porque quer, sempre consegue. (Paradoxo Nostálgico para sua melhor amiga, seja lá onde estiver, e se for ler esse texto todo ou não)

(via poesiasdeinverno-deactivated201)




Photo Post Sat, Aug. 20, 2011 416 notes

fukingperfect:

O mais difícil de de apaixonar é se apaixonar por alguém que nunca pode se ter. ∞

fukingperfect:

O mais difícil de de apaixonar é se apaixonar por alguém que nunca pode se ter. 

#meus


1/45 older »